"O Nadador", de Joakim Zander, no blogue 'Porta Livros'.

 Será que depois dos policiais nórdicos poderá

surgir uma vaga de thrillers de espionagem nórdicos?

 

 

"Mal informado, pensava eu, ao pegar em O Nadador, que me preparava para ler mais um policial nórdico quando afinal, diante dos meus olhos, deparo-me com um romance de espionagem internacional, e dos bons.
O Nadador é uma trepidante aventura que atravessa décadas e terras, desde os anos 80 na Síria, passando pelo Afeganistão e Iraque (anos 1990 e 2000) e pela Suécia, Bruxelas e Paris atuais. A ver pelos cenários referidos já deu para perceber que terá algo que ver com operações militares. É verdade, a ainda com os negócios internacionais obscuros que as acompanham, ou melhor, fomentam.(...)"

 

 

 Leia mais em 'Porta Livros'.12.09.14

 

 

 

 

publicado por Editora Objectiva às 09:37 | link do post | comentar