«A Irmã de Freud», de Goce Smilevski, no blogue 'Silêncios que falam'

Os dias que anteciparam a Segunda Guerra Mundial,

são-nos contados, através do ponto de vista de Adolfine,

uma das  irmãs de Freud, até ao seu próprio fim trágico.

 

 

"Antes de qualquer apontamento há que salvaguardar que A Irmã de Freud é um romance e não uma obra de não-ficção. Os contornos do livro baseiam-se, sim, em factos. As primeiras 52 páginas deste livro do escritor macedónio Goce Smilevski retratam os últimos anos de vida dos irmãos Freud, (...) "

 

Leia todo o texto no blogue 'Silêncios que falam'.17.11.13

 

 

 

 

 

publicado por Editora Objectiva às 15:44 | link do post | comentar